Wiki DC Comics
Advertisement
Wiki DC Comics
3 655
páginas

Quote1.png Para você-- E eu não digo isso para machucá-lo-- para você, Krypton é teórico e a Terra é sua casa. Você se esquece, primo, que tecnicamente sou mais velha que você. Eu cresci em Krypton. Quote2.png
Supergirl fnt

Kara-Zor-El é a heroína conhecida como Supergirl. Nascida em Krypton dos tios do Superman, Kara foi lançada para a Terra por seu pai para salvar sua vida. Supergirl foi adotada pelos Danvers e se tornou a protetora de National City. Em sua identidade secreta, ela é Kara Danvers, uma estudante secundária rotineira. Possuindo vastos poderes dados por sua fisiologia Kryptoniana, Supergirl é uma dos heróis mais poderosos do mundo, e foi membra da Liga da Justiça e da Tropa dos Lanternas Vermelhos.

Infância

Kara nasceu em Argo City de Zor-El e Alura In-Ze. Quando ela tinha quinze anos, seu primo Kal-El nasceu. Por volta dessa época, seu pai se distanciou de seu tio Jor-El depois que Jor-El expressou sua desaprovação aos experimentos biológicos de seu irmão. Não se importando com sua rivalidade, Kara continuou cuidando de seu primo bebê enquanto estudava para os testes de graduação.

Alguns meses depois, Kara acompanhou seu pai ao laboratório. Lá, Zor-El mostrou a ela um cápsula espacial onde a colocou para dormir. Quando Kara perdeu a consciência, Zor-El afirmou que Jor-El estava certo sobre Krypton estar condenado, e ele construiu um foguete para salvá-la. Ignorando seus protestos, Zor-El colocou Kara em sua nave junto com uma Pedra Solar gravando suas últimas palavras, e a lançou no espaço antes da explosão de Krypton.[1]

O foguete de Kara atingiu o Sistema Solar e, de acordo com sua programação, passou duas décadas orbitando o Sol da Terra enquanto seu passageiro permanecia em êxtase.

A última filha de Krypton

Kara Zor-El chega à Terra

Depois de um tempo, a cápsula de Kara caiu na Sibéria. Kara tropeçou em sua nave apenas para ser repentinamente cercada por gigantescos robôs armados que começaram a tentar subjugá-la. Kara instintivamente lutou, exibindo poderes que ela não sabia que tinha quando Superman apareceu de repente.[2]

Confusa sobre sua situação atual, seus estranhos poderes e a chegada de um estranho vestindo o brasão de sua família, Kara exigiu saber quem ele era. Quando Superman se identificou como seu primo Kal-El, Kara ficou furiosa, pensando que ele era um impostor, e ela atacou Superman. Os dois trocaram golpes durante todo o caminho da Sibéria até a Grande Muralha da China, onde Kara percebeu que sua luta estava colocando em perigo as pessoas próximas. Ela parou de lutar e concordou em ouvir Superman.[3]

No entanto, Kara se recusou a acreditar nele quando ele disse que Krypton já havia partido há décadas. Kara voou de volta para a Sibéria, esperando que seu casulo contivesse algumas pistas, mas ela encontrou uma mensagem holográfica de um homem chamado Symon Tycho convidando-a para sua estação espacial. Kara voou para a estação espacial apenas para descobrir que era uma armadilha projetada para testar suas habilidades. Kara destruiu as armas de Tycho e encontrou seu casulo, mas foi enfraquecida por pedaços de Kryptonita Verde presos ao casco.[4]

Kara foi capturada por Tycho, que pretendia separá-la para estudar sua fisiologia. No entanto, ele foi ouvido por um de seus funcionários, que libertou Kara. Kara lutou para sair da estação espacial de Tycho e recuperou a Pedra Solar que ele havia roubado. Infelizmente, estava muito danificado para fornecer respostas. Sentindo-se desesperada, Kara se perguntou se seus novos poderes permitiriam que ela voltasse com Krypton.[5]

Kara deixou a Terra, indo para seu mundo natal. No caminho, a Pedra Solar a levou a um portal espacial que a levou de volta à sua cidade natal Argo City, agora uma cidade deserta protegida por um escudo de bolha e orbitando uma estrela azul. Explorando as ruínas, Kara finalmente confirmou que Krypton se foi e sua família e amigos mortos. Dominado pela dor e fúria, ela gritou e começou a destruir a cidade. Sua fúria foi interrompida por uma misteriosa mulher chamada Régia, que alegou ser uma arrasa-mundo. Régia derrotou Kara, prendendo-a a uma parede e partiu, desafiando Kara a segui-la de volta à Terra.[6]

Supergirl luta contra os Arrasa-Mundos

Apesar de seu estado enfraquecido, Kara conseguiu se libertar e voar de volta à Terra para lutar contra Régia, que estava arrasando a Cidade de Nova Iorque nesse meio tempo. Kara enfrentou Régia, mas a Arrasa-Mundo revelou que ela tinha três parceiros.[7]

Depois de uma batalha difícil e exaustiva, Kara venceu contra todas as probabilidades, derrotando os destruidores de mundos. Antes de partir, porém, Régia avisou Kara que ela voltaria um dia... e havia um quinto Arrasa-Mundo que ela ainda não conheceu.[8]

Encontrando Banshee Prateada e Superboy

 

Artigo principal: Supergirl: Uma Garota no Mundo (Coleção)

Logo após a batalha, Kara conheceu Siobhan Smythe, uma garota irlandesa com um dom para a linguagem e música. As duas garotas fizeram amizade uma com a outra rapidamente, e Siobhan se ofereceu para ajudar Kara, deixando-a ficar em seu apartamento por um tempo até que sua amiga kryptoniana estivesse pronta para enfrentar seu novo mundo.

Siobhan decidiu trazer Kara para ouvir música em um clube. Enquanto no clube, as duas meninas foram atacadas pelo pai de Siobhan, um vilão conhecido como Banshee Negro. Sendo uma criatura mágica, Black Banshee feriu Kara, forçando Siobhan a se transformar em Silver Banshee para detê-lo.[9]

A ameaça do Banshee Negro

Kara e Siobhan enfrentaram o Banshee Negro juntos, mas Kara não teve escolha a não ser deixar Black Banshee absorvê-la para lutar contra ele.[10] Supergirl conseguiu derrotar Black Banshee e resgatar Thomas, o irmão mais velho de Siobhan que havia sido absorvido anteriormente pelo Banshee Negro.[11]

Um tempo depois, Kara conheceu Superboy quando ela estava passando um tempo sozinha. Eles conversaram, mas quando ela soube que ele era um clone, ela atacou, acreditando que ele era mau. No entanto, ela parou quando percebeu que o Superboy não sabia que os clones kryptonianos eram máquinas assassinas estúpidas. Vendo Superboy que não era mau, Kara o protegeu de um ataque policial e optou por deixá-lo sozinho, indo confrontar Kal sobre Kon.[12]

Ao chegar em Metrópolis, Kara teve que lutar contra uma duplicata do Superman para proteger a cidade. Kara lutou bravamente, mas o falso Superman ganhou a vantagem e bateu em Kara. A batalha foi interrompida quando o verdadeiro Superman apareceu e conseguiu derrotar o impostor. Kara parabenizou seu primo e questionou-o sobre o Superboy, mas Kal explicou que não sabia nada sobre o Superboy.[13]

Santuário

Santuário da Solidão

Enquanto almoçava com Tom Smythe em um café, Kara foi atacada por uma bolha humanóide. Ela lutou e venceu, mas o fato de que foi capaz de encontrá-la quando ela estava vestida à paisana a preocupou. Kara deixou Siobhan e Tom para sua própria segurança e para descobrir quem a estava atacando.[14]

Kara trouxe os restos mortais de seu atacante para Superman, e usando a tecnologia em sua Fortaleza da Solidão, eles rastrearam o sinal que estava controlando o homem da nanomáquina de volta à sua origem, milhas abaixo do oceano. Superman ofereceu sua ajuda, mas Kara ainda não confiava totalmente nele, recusando sua oferta de ajuda mais uma vez, saindo para encontrar quem a estava atacando.[15]

Explorando o fundo do oceano, Kara encontrou um santuário kryptoniano, criado por um fragmento de seu casulo. Ela também descobriu que Simon Tycho havia invadido seu Santuário da Solidão e era o responsável pelos ataques. Kara lutou contra ele e o trancou em uma prisão de cristal, reivindicando sua base subaquática.[16]

Inferno na Terra

A fim de realizar seu plano de trazer Krypton de volta, H'el enganou Kara para ajudá-lo, prometendo salvar Krypton e alegando que a Terra não sofreria. Kara o ajudou, indo tão longe a ponto de lutar contra seu primo, Superboy, o Flash e a Mulher-Maravilha até que ela descobriu que H'el realmente planejava destruir a Terra para trazer Krypton de volta. Horrorizada, Kara se voltou contra ele. Durante a batalha final, ela o esfaqueou no peito com um fragmento de kryptonita, salvando o planeta.[17]

Kara desmaiou depois, murmurando que não podia "deixar as coisas para seu primo bebê". Superman a segurou em seus braços, levando-a para a segurança.

Supergirl e Poderosa

 

Artigo principal: Supergirl: Santuário (Coleção)

Duas Supergirls

Sua provação com H'el deixou Kara com um caso grave de envenenamento por Kryptonita.

Kara foi ao Dr. Shay Veritas para ajudar, mas ela ficou impaciente e saiu durante uma bateria de testes. No caminho de volta, Kara foi atacada por uma mulher alienígena feita de lava [18] (que já havia atacado Superboy [19]). A mulher da lava derrotou Kara, mas fugiu quando o Exército dos EUA apareceu. Os soldados estavam prestes a levar Kara inconsciente com eles, quando Poderosa apareceu e resgatou seu eu alternativo.[20]

Ambas as garotas lutaram contra o exército e um agente de Lex Luthor chamado Appex. Supergirl e Poderosa venceram a batalha, mas Kara desmaiou novamente, e Poderosa a levou ao Santuário para se curar. Infelizmente, a IA do Santuário enlouqueceu e tentou matar Kara, forçando as duas heroínas a explodi-lo.[21]

I'noxia e Superciborgue

 

Artigo principal: Supergirl: Saídos do Passado (Coleção)

Supergirl procura pelo Superciborgue

Acreditando que ninguém poderia curar sua doença, Kara deixou a Terra para morrer sozinha.

Kara partiu para o espaço e encontrou I'noxia, um mundo tecnológico conquistado pelo Brainiac e governado pelo Superciborgue.[22]

Superciborgue fingiu ser um amigo antes de revelar suas verdadeiras intenções: usar a carne de Kara para reconstituir seu próprio corpo e restaurar sua memória.[23] Kara lutou muito e desesperadamente, mas ele venceu. O corpo de Kara foi dissolvido e sua alma foi forçosamente integrada na colmeia da mente I'noxiana enquanto sua carne era usada para reconstruir o corpo do Superciborgue. O Superciborgue recuperou suas memórias lembrando que ele era o pai de Kara.[24]

Horrorizado, Zor-El reconstruiu o corpo de Kara -que estava destruindo a consciência coletiva do l'noxiani-, voltando a ser o Superciborgue. Enquanto ele e Brainiac - que tinha vindo para verificar seu peão - lutaram, Supergirl e o coletivo I'noxiano escaparam sem serem detectados.[25]

Krypton Retorna

Kara ajudou Superman e Superboy a arruinar os planos de Hel de trazer Krypton de volta à vida, um ato que alteraria a linha do tempo e destruiria o universo.[26]

Supergirl viajou para a Batalha do Núcleo do Céu durante a Grande Guerra, a fim de evitar uma insurreição de clones e derrotou H'el nessa linha do tempo.[27] Por sua vez, Superboy foi enviado para Argo City, alguns dias antes da destruição de Krypton, e protegeu Kara Zor-El de H'El.[28]

Kara e Kal se reuniram no presente após cumprirem suas respectivas missões. Lá, eles aprenderam que Superboy não sobreviveu. Lamentando sua perda, eles voltaram para a Terra.[29]

A filha vermelha de Krypton

Supergirl contra o Lobo

Após vários meses de batalhas intermináveis durante as quais Kara nunca lidou com sua culpa de sobrevivente e sentimentos de perda e solidão, e acreditando que ela tinha sido manipulada, traída ou decepcionada por todos que conhecia, Kara estava à beira de um colapso.[30]

Enquanto visitava o Dr. Veritas, O Bloco foi atacado pelo Lobo.[31]. Kara inicialmente tentou acalmá-lo, mas ele explorou sua simpatia para machucá-la. Sentindo-se mais furiosa do que nunca, Supergirl decidiu que não era mais civilizada. Eles lutaram, e Lobo provocou Kara durante toda a batalha até que ela explodiu, e sua fúria há muito reprimida e desencadeada agiu como um ímã para um anel vermelho.[32]

Um anel vermelho encontra a supergirl

Depois de uma breve briga com a Banshee Prateada, um pouco coerente e enfurecido Kara voou para o espaço para que ela não machucasse ninguém.[33] Encontrada por um par de Lanternas Verdes, Kara foi levada para Ysmault por Hal Jordan [34] e mergulhada no Oceano Sangrento. Depois de recuperar sua sanidade, Kara se juntou a Tropa dos Lanternas Vermelhos de Guy Gardner.[35]

Ironicamente, juntar-se aos Lanternas da Ira ajudou Kara a superar seus problemas de raiva e isolamento e ganhar estabilidade emocional. Ela lutou ao lado dos Lanternas Vermelhos por um tempo, lutando contra os Diasporos [36] e os fragmentos de células do Atrócitus [37] No entanto, Guy a expulsou do time, não querendo deixá-la ser morta pelo Atrócitus.[38]

Supergirl emergindo do sol

com o término de seu mandato com o Lanterna Vermelho, Kara decidiu voltar para a Terra. Ela estava entrando novamente no sistema Solar quando foi atacada pelo exército Diáspora. Embora os diásporos tenham feito o possível para capturá-la, Kara os venceu e enfrentou o líder diásporo, que revelou ser o último Arrasa-Mundo. Um ser parasita, a Arrasa-Mundo tentou se ligar a Kara e assumir o controle de seu corpo.[39] Kara se lançou no Sol para destruí-lo, mas quando sua tentativa falhou, ela removeu seu anel vermelho. Tal ação deveria tê-la matado, mas o Sol reiniciou seu coração e concedeu-lhe um aumento de poder que lhe permitiu destruir o último Arrasa-Mundo de uma vez por todas.

Livre do Anel Vermelho e da ira e confusão que a consumiam, nublando sua mente, Kara percebeu que a Terra poderia se tornar seu novo lar, afinal, e se dirigiu para o planeta.[40]

Superman: Condenado

Antes de ser expulsa da equipe, Kara e seus aliados do Lanterna Vermelho tentaram impedir Superman, que havia sido infectado com um vírus que o estava transformando em um monstro furioso, mas Kal-El [41] os lutou. Então ela tentou uma tática diferente, mostrando a seu primo que ele poderia controlar sua raiva para proteger a galáxia, como ela havia feito.[42]

Depois de se livrar do Anel Vermelho, Kara retornou à Terra e ajudou a resgatar pessoas presas ou feridas devido ao ataque de Brainiac, que drenava energia. No processo, ela salvou os pais de Michael, um garoto aleijado com quem ela teve um breve relacionamento.[43]

Pouco depois ela avistou Superman quando ele estava voltando para a Terra e o pegou quando ele foi atingido por uma pulsação de energia que o fez despencar pela atmosfera.[44] Finalmente, Kara salvou Batman do Supermanciborgue, derrotando-o de forma conclusiva.[45]

No rescaldo da batalha contra Brainiac, Kara conheceu Capuz Vermelho, que 'solicitou' sua ajuda para desmantelar uma gangue alienígena que fornecia armamento alienígena para gangues de rua.[46]

Poderes

  • Fisiologia Kryptoniana: Sob os efeitos de um sol "amarelo", Kara possui o mesmo potencial poderes como um kryptoniano médio. Isso inclue:
    • Absorção de Energia Solar: Sob condições ideais, esta é a principal fonte de Kara super poderes como eles são contingentes após a exposição à radiação solar a partir de um sistema de estrela de sol amarelo. dela composição biológica inclui um certo número de órgãos, que carecem de análogos em seres humanos, e cujas funções são desconhecidas. Acredita-se que, entre um ou mais destes e dela bio-matriz celular, da energia solar "amarelo" é armazenado para uso posterior. Isto permite a utilização destes poderes a desvanecer-se, quando a radiação solar amarela não estiver disponível, em vez de uma falha imediata.
    • Visão de Calor: Kara pode, como um ato consciente, feixes de fogo de calor intenso em um alvo, olhando para ele. Ela pode variar o calor e a área afetada.
    • Super-Audição: Kara audição é sensível o suficiente para ouvir qualquer som em qualquer volume ou breu. Com habilidade e concentração, ela pode bloquear sons ambientes para se concentrar em uma fonte ou a frequência específica
    • Visão Aprimorada Kara essa visão processa todo o espectro electromagnético, bem como permitindo grande controle sobre a percepção seletiva e foco.
      Esta capacidade de barreira inclui o seguinte:
      • Visão do Espectro Eletromagnético: Kara pode ver bem na maior parte do espectro electromagnético. Ela pode ver e identificar sinais de rádio e televisão, bem como todos as outras transmissão ou frequências transmitidas. Usando essa capacidade, ela pode evitar a detecção por métodos de radar ou de vigilância por satélite. Isto também permite ela para ver a aura gerada por seres vivos.
      • Visão Telescópica: Esta é a capacidade de ver algo a uma grande distância, sem violar as leis da física. Embora limitados, na medida exata da capacidade é indeterminado. Em função, que é semelhante ao da lente de zoom numa câmara.
      • Visão de Raio X: Esta é a capacidade de ver através de qualquer volume de matéria, exceto chumbo. Kara pode ver as coisas por trás de um objeto sólido, opaca, como se não estivesse lá. ela pode se concentrar essa capacidade de "descascar" camadas de um objeto, permitindo imagem escondida ou funcionamento interno a ser observado. O tipo exato de energia percebida - como raios-x, raios cósmicos, ou alguma outra energia invisível aos seres humanos normais - não é claro. Esta capacidade percebe uma fonte de energia ambiente, porém, ele não envolve o olho projetando uma concentrada, possivelmente tóxicos, feixe de ser refletido de volta a partir de objetos.
      • Visão Microscópica: Esta é a capacidade de ver objetos e imagens extremamente pequenos até o nível atômico.
      • Visão Infravermelho: Kara pode ver melhor acuidade nas trevas, e até certo ponto na escuridão total.
    • Vôo: Kara é capaz de manipular partículas de grávitons a desafiar as forças da gravidade e alcançar vôo. Isso varia de pairar a mover-se em qualquer postura, em qualquer direção.
    • Invulnerabilidade: Devido à interação de sua estrutura molecular densa e sobrecarga ed aura bio-elétrica, Kara tem uma alta-invulnerabilidade a energia de forças extremas. Além, ela estende essa proteção contra toxinas e doenças.
    • Resistência Sobre-Humana: Kara é capaz de manter ação física extenuante contínua por um período indefinido de tempo. Este baseado em seucorpo converter a radiação solar amarela diretamente para energia, mas é limitado por necessidades fisiológicas e psicológicas para comer, beber e dormir.
    • Força Sobre-Humana: Kara força é aumentada pela interação da radiação amarela do sol com maior densidade humana, resiliência e eficiência biológica de sua musculatura. Sua força é mais um ato de vontade consciente em campos de energia do que a força física real. É este ato de vontade consciente que permite seu corpo realizar proezas físicas que estão além da mera força de aplicação, tais como mover topo de uma montanha, sem a rocha desmoronar sob sua própria massa.
    • Velocidade Sobre-Humana: Kara é capaz de se mover a uma velocidade incrível por pura força de vontade. Este estende-se a suas percepções e permite feitos, tais como captura de balas em pleno voo, bem como cobrindo grandes distâncias em pouco ou nenhum tempo.
      Isso também confere:
    • Super-Sopro: Kara é capaz de criar ventos com força de furacão por exalar o ar de seus pulmões. Ela pode puxar o ar para seus pulmõese congelar alvos. também é possível inverter o processo de puxar um grande volume de ar ou vapor para dentro de seus pulmões.
  • Gritos Sônicos Para sair de uma armadilha criada pelo Superciborgue, Kara interrompeu a freqüência da máquina gritando com certa freqüência.[47]

Habilidades

Fraquezas


Armas

  • Anel do Lanterna Vermelho (anteriormente)


  • Supergirl é conhecida como a Garota de Aço e a Garota do Amanhã. [52]
  • Supergirl é afastado de seu primo, Kal-El (Superman)[53] , no entanto, ela mantém um relacionamento com Kara Zor-El (Poderosa)[54]. Ela não gosta do clone, Kon-El (Superboy)[55] , mas não lhe deseja a morte também.
  • A vida de Supergirl na terra tem sido marcada com a confusão, frustração, manipulação e morte que levam a sua raiva o suficiente a sensação de atrair um Anel dos Lanterna Vermelho onde Guy Gardner obriga a participar da Tropa dos Lanternas Vermelhos .[56]
  • Supergirl é a primeira membro da Tropa dos Lanternas Vermelhos que conseguiu destruir o seu próprio anel e sobreviver sem um e sem ter nenhuma ajuda de um Anel de Poder Azul , só porque ela foi capaz de absorver a luz solar amarela suficiente devido ela estar no sol amarelo da Terra quando aconteceu.[57]

Relacionado

Notas de rodapés

  1. Supergirl (Volume 6) #0
  2. Supergirl (Volume 6) #1
  3. Supergirl (Volume 6) #2
  4. Supergirl (Volume 6) #3
  5. Supergirl (Volume 6) #4
  6. Supergirl (Volume 6) #5
  7. Supergirl (Volume 6) #6
  8. Supergirl (Volume 6) #7
  9. Supergirl (Volume 6) #8
  10. Supergirl (Volume 6) #9
  11. Supergirl (Volume 6) #10
  12. Superboy (Volume 6) #6
  13. Superman (Volume 3) #6
  14. Supergirl (Volume 6) #11
  15. Supergirl (Volume 6) #12
  16. Supergirl (Volume 6) #13
  17. Superman (Volume 3) #17
  18. Supergirl (Volume 6) #18
  19. Superboy (Volume 6) #3
  20. Supergirl (Volume 6) #19
  21. Supergirl (Volume 6) #20
  22. Supergirl (Volume 6) #21
  23. Supergirl (Volume 6) #22
  24. Supergirl (Volume 6) #23
  25. Supergirl (Volume 6) #24
  26. Action Comics Anual (Volume 2) #2
  27. Supergirl (Volume 6) #25
  28. Superboy (Volume 6) #25
  29. Superman (Volume 3) #25
  30. Supergirl (Volume 6) #26
  31. Supergirl (Volume 6) #27
  32. Supergirl (Volume 6) #28
  33. Supergirl (Volume 6) #29
  34. Lanterna Verde (Volume 5) #28
  35. Lanternas Vermelhos #28
  36. Supergirl (Volume 6) #30
  37. Supergirl (Volume 6) #31
  38. Lanternas Vermelhos #32
  39. Supergirl (Volume 6) #32
  40. Supergirl (Volume 6) #33
  41. Superman/Mulher-Maravilha #9
  42. Action Comics (Volume 2) #33
  43. Supergirl (Volume 6) #34
  44. Action Comics (Volume 2) #35
  45. Superman: Condenado #2
  46. Supergirl (Volume 6) #35
  47. Supergirl (Volume 7) #4
  48. Supergirl (Volume 6) #6
  49. Supergirl (Volume 6) #37
  50. Supergirl (Volume 7) #14
  51. Supergirl (Volume 6) #27
  52. Supergirl (Volume 6) #19
  53. Supergirl (Volume 6) #2
  54. Supergirl (Volume 6) #20
  55. Supergirl (Volume 6) #14
  56. Supergirl (Volume 6) #28
  57. Erro de citação: Marca <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas SG33


Action Comics Vol 1 983 Textless.jpg
DC Rebirth Logo.png

Membro da Família Superman
Este personagem é ou foi uma encarnação de um aliado de Superman, e sendo um membro da Família Superman. Esta predefinição irá categorizar artigos que incluí-lo na categoria "Membros da Família Superman".

Atrocitus 001.jpg
Red Lantern DC logo.png
Membro da Tropa dos Lanternas Vermelhos
Este personagem é ou era membro da Tropa dos Lanternas Vermelhos - Um grupo de indivíduos cuja capacidade de raiva é ilimitada e que são equipados com um Anel de Poder.

Esta predefinição categorizará os artigos que o incluem na categoria "Membros da Tropa dos Lanternas Vermelhos."

Justice League 0002.jpg
Membro da Liga da Justiça
DC Rebirth Logo.png

Este personagem é ou foi membro da Liga da Justiça da América , ou da Liga da Justiça em qualquer de suas várias encarnações, jurado por um dever de agir como guardiões da América e do mundo usando suas habilidades e/ou super poderes para proteger a Terra contra ameaças interestelares e domésticas.
Esta predefinição irá categorizar artigos que incluírem ele na categoria "Membros da Liga da Justiça da América"

Predefinição:D.E.O. member

Action Comics Vol 1 983 Textless.jpg
DC Rebirth Logo.png

Membro da Família Superman
Este personagem é ou foi uma encarnação de um aliado de Superman, e sendo um membro da Família Superman. Esta predefinição irá categorizar artigos que incluí-lo na categoria "Membros da Família Superman".

Atrocitus 001.jpg
Red Lantern DC logo.png
Membro da Tropa dos Lanternas Vermelhos
Este personagem é ou era membro da Tropa dos Lanternas Vermelhos - Um grupo de indivíduos cuja capacidade de raiva é ilimitada e que são equipados com um Anel de Poder.

Esta predefinição categorizará os artigos que o incluem na categoria "Membros da Tropa dos Lanternas Vermelhos."

Justice League 0002.jpg
Membro da Liga da Justiça
DC Rebirth Logo.png

Este personagem é ou foi membro da Liga da Justiça da América , ou da Liga da Justiça em qualquer de suas várias encarnações, jurado por um dever de agir como guardiões da América e do mundo usando suas habilidades e/ou super poderes para proteger a Terra contra ameaças interestelares e domésticas.
Esta predefinição irá categorizar artigos que incluírem ele na categoria "Membros da Liga da Justiça da América"

Advertisement