FANDOM



Marella era a rainha de Atlântida e em algum ponto do tempo foi capturada e mantida como prisioneira do Exército Mundial, e foi mantida em estase no porão negro do Centro de Comando de Arkham. [1] Ela foi libertada por Batman e recrutada na guerra contra os seguidores de Darkseid. Ela foi referida por seu codinome "Aquawoman" por James Olsen, mas ela foi apressada em dizer que o apelido era algo que ela abominava. [2] Ela ajudou Batman e os outros heróis a localizar o Kryptoniano Val-Zod antes de retornar a Atlântida, mas prometeu ajudar quando chamada. [3]

Roy Harper Cry for Justice
DC Rebirth Logo

Incompleto
Há algo faltando aqui. Esta seção do artigo é incompleta e contém informações, mas exige mais antes que possa ser considerado completo. Você pode ajudar o Projeto de Banco de Dados DC editando esta página, fornecendo informações adicionais para trazer este artigo a um padrão mais elevado de qualidade.


Poderes


  • Marella não gosta de ser chamada de "Aquawoman", apesar de James Olsen constantemente chamá-la assim.

Relacionado

Notas de rodapés


O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.